quarta-feira, 18 de julho de 2012

Pensando a educação – Parte 4

Em entrevista concedida para a jornalista Rita Trevisan, a doutora Martina Roth acredita que ''o estudante tem de saber operar computadores e desenvolver habilidades básicas, como segurar e movimentar o mouse. Mas isso só não basta. Ele precisa ter em mente os objetivos das atividades no computador... cabe ao professor conduzir os estudantes de acordo com o projeto desenvolvido em classe”. Confira mais uma passagem da série “Pensando a educação”. (Referência: revista Nova Escola, edição nº 247, novembro de 2011).
- Quais as habilidades necessárias a um professor atualmente para a construção de um sistema de ensino de qualidade?
google imagens
“Em primeiro lugar, os professores tem de dominar as habilidades exigidas dos alunos, como pensamento crítico, capacidade de resolver problemas e de tomar decisões, boa comunicação e disposição para o trabalho colaborativo. Os programas de formação crescem em todo o mundo. O professor é um líder e precisa atuar como tal na sua sala de aula – o que também vale para o diretor. Alem disso, em alguns momentos, a escola necessita usar procedimentos típicos de empresas, como avaliar constantemente os processos e analisar onde avançar e onde retroceder. Os docentes precisam trabalhar mais integrados não é possível fazer as mudanças necessárias se cada profissional continuar pensando individualmente. Dominar as novas linguagens, especialmente a da internet, é outro ponto importante e que precisa de atenção. Não basta deixar que as crianças usem a tecnologia em sala de aula. É preciso dominá-la para atribuir novo significado a esse uso.”